O tratamento ocorrerá a cada três meses, com o retorno dos 150 pacientes atendidos.

O surgimento de novas vagas depende do aumento da quantidade disponibilizada pelo Governo do Estado ao Município de Ceará-Mirim. Por enquanto só foram disponibilizadas 300 vagas por ano.

Os pacientes são encaminhados de acordo com a prioridade pela atenção básica, porém a quantidade de tratamentos ofertada à Ceará-Mirim pelo Estado não tem sido suficiente para atender a grande demanda, de modo que, a Secretaria de Saúde de Ceará-Mirim já informou e solicitou da SESAP, uma oferta maior de atendimento para suprir a necessidade do município.

A consulta com acompanhamento de oftalmologista e entrega de medicamento será realizada a partir das 7h, no Centro de Saúde (SUS).

O tratamento de Glaucoma é de responsabilidade do Governo do Estado sendo o município parceiro na execução.

@juliocscamara @claudiacavalcanti_ @luanadiasoliver