Desta vez, para identificar a Rota dos Engenhos. Genuinamente da nossa terra, a obra foi instalada na ponte do Rio Ceará-Mirim e feita por artesãos cearamirinenses, assim como os demais.