Somadas às medidas como barreira sanitárias, fiscalização, vacinação, a Prefeitura de Ceará-Mirim anunciou lockdown na cidade como ação para conter o avanço do Covid-19. O novo decreto que será expedido hoje (9) determina o fechamento de todas as repartições públicas do município, bem como o fechamento do comércio, e suspensão das feiras livres por um período de sete dias.

Apenas serão permitidos comércios tidos essenciais, limitando a 30% a capacidade de circulação de pessoas nos estabelecimentos. Secretarias essenciais também estão livres para atendimento à população, mediante observância dos protocolos de segurança.

Centro Covid-19

Em reunIão com a Secretaria de Saúde, o prefeito Julio Cesar Camara determinou a criação do Centro Especializado para Atendimento Covid-19, que será instalado no Centro de Saúde (SUS) Cohab até a próxima semana.

O centro especializado terá à disposição exclusiva dois médicos que estão sendo contratados, além de enfermeiros da rede para atender exclusivamente à população do município. O Centro será mantido com recursos próprios.

Nele serão realizados exames com coleta swab (teste covid), no caso do paciente apresentar sintomatologia.

A Secretaria de Saúde orienta a população em geral que apenas procure a unidade de referência se estiver com sintomas covid, do contrário o atendimento deve ocorrer nas Unidades Básicas de Saúde.

 

Confira o Decreto 3.050 na íntegra aqui