De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Norte (SESAP), o município tem o 10° maior número de casos suspeitos de coronavírus. No último domingo (29) eram oito casos, porém o anúncio mais recente já registra 21 suspeitos.

A prefeitura de Ceará-Mirim vem adotando as medidas necessárias. As principais foram anunciadas pelo prefeito na manhã desta quarta feira (1): suspensão do corte de água para pessoas de classe econômica baixa, refinanciamento dos débitos e reativação da água do considerado grupo de risco, que anteriormente, por questões legais, teve sua água cortada; antecipação de 40% do 13º dos aposentados e pensionistas; distribuição de cestas básicas para feirantes cadastrados no município; campanhas educativas em rádio, carros de som e redes sociais.

Neste momento é indispensável redobrar a atenção quanto a higiene das mãos e superfícies, ao uso de álcool gel e a possíveis sintomas. As orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e as determinações do município devem continuar sendo seguidas para que o vírus não se propague ainda mais. Respeitar o isolamento social é fundamental. A população deve ficar em casa sempre que possível.